Fev 052016
 

Camara abertaA Televisão Comunitária de Klelé – TVK realizou no dia 22 de Janeiro de 2016, no campo polivalente da ONG AD a sua primeira edição de câmara aberta 2016, exibindo vídeos produzidos no quadro da parceria com a UEPAANE, resultado de um projeto financiado pela União Europeia, durante o qual foram abordados os seguintes temas: saneamento básico, mulher na economia familiar, empreendedorismo e educação, seguido de um debate aberto ao público. Tendo em conta que é de preocupação dos moradores do bairro de Quelelé e aproveitando a presença dos mesmos, em seguida procedeu-se ao debate sobre a situação da estrada de Quelelé, reabilitada sem passeios com objectivo de encontrar soluções possíveis. A TVK a primeira televisão comunitária da Guiné-Bissau e uma das primeiras da Africa, criada em 13 de Setembro de 2001 já realizou mais de 20 emissões públicas do gênero.

Out 162015
 

A ONG Tabanka reiterou a sua colaboração com a AD, oferecendo dois cartazes com a imagem do engenheiro Carlos Schwarz Silva “Pepito´´. Esta oferta simboliza o reforço de amizade com o Engº Pepito, que iniciou desde os anos “80´´, quando trabalhava no DEPA (Departamento de Experimentação e Pesquisa Agrícola). A ONG Tabanka tem estar apoiar vários projectos realizados pela AD, dos quais citam-se o concurso de moringa, recuperação e equipamento do centro de saúde de Cabedú, apoio em painéis solares para a escola EVA de Bolol.

4

Ago 042015
 

Como outros escravos levados para os Estados Unidos e o Brasil, Rita contribuiu para o desenvolvimento da cultura do arroz do outro lado do Atlântico. Nascida numa aldeia balanta nos finais do século XVIII, foi-lhe dado pelos esclavagistas o nome com que ficou na História. Ela podia ter sido um dos milhões de escravos anónimos que, pelo seu trabalho nas plantações e minas, contribuiram para a prosperidade das nações da Europa, das Américas e do mundo.

Ler detalhes

Jul 302015
 

A gastronomia está intimamente ligada à cultura de um povo. Enquanto arte, ela é uma das leituras da Sociedade. De certo modo, ela faz parte da identidade de um povo. A gastronomia é também fonte histórica porque é baseada em alimentos e culturas que viajaram muitas vezes através de séculos e, nalguns casos, através dos oceanos.. Atrás da história da gastronomia, há a história dos povos e dos países. Se um povo se orgulha da sua gastronomia, de certo modo, é porque faz parte da sua identidade. . Nesta perspectiva ela também liga povos através da histórias que, de uma forma ou de outra, contribuiram para a culinária e cultura de uma determinada região.

Ler detalhes

Jul 212015
 

BoletimPara homenagear Carlos Silva Schwarz “Pepito“ membro fundador e promotor da AD, foi criado um Boletim trimestral intitulado “Pepito“, para valorizar o legado que deixou a organização. O Boletim e mais um canal de divulgar as informações da AD em complemento aos outros canais de comunicação tais como: website, Rádio Comunitária Voz de Quelele – RVQ e Televisão Comunitária de Klele – TVK.

Edições

AD prepara campanha de comunicação e prevenção do Ebola

IIIº Fórum para o desenvolvimento do rio Cacheu

Acto soleno de homenagem à Pepito

Pepito sucessor de Amilcar cabral

 

Jul 062015
 

cria de cabra O projecto Nô Fia Na Criasé uma iniciativa do consórcio IMVF, COAJOQ, AD e Instituto PIAGET, financiado    pela UE, com a duração de 36 meses, com início a 1 Julho de 2015. O projeto visa contribuir para a segurança alimentar e nutricional através do fornecimento de alimentos de origem animal, com forte componente proteica, nomeadamente carne de frango, ovos, carne de cabra e derivados às comunidades da Região de Cacheu.

A AD, um dos membros deste consórcio com larga experiência no domínio da formação, apoio e acompanhamento de técnicos paraveterinários, será responsável (em parceria com o IMVF) pela implementação do programa de formação em saúde animal. Com a reciclagem e reforço de técnicos paraveterinários, garantir-se-á uma maior cobertura da saúde animal, respondendo à principal preocupação dos criadores de gado: o combate à alta taxa de mortalidade animal. Em parceria com 337 criadores serão desenvolvidas as seguintes actividades:

a) desenvolvimento da fileira de produção avícola cooperativa e comunitária;

b) construção de unidade de processamento de carne e circuitos comerciais;

c) constituição de 15 núcleos comunitários caprinos e unidade de leite;

d) rede de paraveterinários dinamizada e produção de meios de vulgarização/sensibilização para a criadores e comunidade geral.

 

Jun 292015
 

ZonooseA AD, junto com os seus parceiros INASA, DGSP, IBAP, UICN e SWISSAID organizam no dia 30 de Junho 2015, nas instalações de IBAP, um seminário sobre prevenção das doenças humanas através de uma melhor saúde animal e ambiental. O objectivo deste seminário é contribuir para um melhor conhecimento das zoonoses prevalecentes no pais e a criação de um sistema eficaz da sua vigilância e controlo.

Ver o programa do seminário